Notícias

Gestão Municipal

Busca

ASSUNTOS

AGENDA DO PREFEITO

<
<
<
junho - 2017
>
>
>

  • D | S | T | Q | Q | S | S
 

Seplanh apresenta novo sistema de controle de áreas públicas

Atualizado em 17/03/2017 16:57
Sistema proporcionará maior controle da administração municipal quanto aos seus bens patrimoniais e garantirá maior confiabilidade às informações técnicas prestadas pela pasta

A Secretaria Municipal de Planejamento Urbano e Habitação (Seplanh) apresentou nesta sexta-feira, 17, o novo sistema de controle de áreas públicas municipais de Goiânia. A primeira exposição foi realizada para técnicos da pasta responsáveis por controlar e prestar informações sobre a utilização e destino das áreas pertencentes à administração municipal na Capital.

Desenvolvido por meio de parceria de técnicos da Seplanh e da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho, Ciência e Tecnologia (Sedetec), o sistema proporciona a consolidação de informações sobre as áreas municipais em um único local, como sua destinação primitiva, uso, medidas e valores. Com isso, os dados podem ser mais concretos e objetivos, agilizando a tramitação de processos e a prestação de informações sobre os bens patrimoniais do município.

Para o superintendente de planejamento da Seplanh Goiânia, Henrique Alves, a utilização desse novo sistema trará maior confiabilidade às informações prestadas pela administração municipal quanto aos seus bens patrimoniais. “Atualmente nosso banco de dados apresenta algumas inconsistências quanto às informações das áreas municipais, devendo ser aprimorado e atualizado com o cruzamento de informações nos mais diversos bancos de dados do município. Essa ação vem para corrigir essas falhas”, afirmou.

Ainda de acordo com o superintendente, com esse novo sistema “será possível concentrar todas as informações sobre os bens imóveis do município em um único local, sejam elas técnicas, financeiras, legais ou fiscais, e cada alteração realizada pelos órgãos responsáveis estará disponível de forma instantânea para os técnicos da prefeitura”, concluiu Henrique Alves.

Willian Assunção , da editoria de Planejamento Urbano e Habitação- Secretaria Municipal de Comunicação (Secom)


Voltar