Notícias

Gestão Municipal

Busca

ASSUNTOS

AGENDA DO PREFEITO

<
<
<
dezembro - 2017
>
>
>

  • D | S | T | Q | Q | S | S
 

Novo sistema de Regulação alcança marca de 100 mil exames agendados em Goiânia

Atualizado em 07/12/2017 17:57
Com o novo software, usuários do SUS marcam os procedimentos nas unidades da rede municipal de Saúde. Inicialmente, grande procura é motivada pelos pacientes que tinham o antigo chequinho e aguardavam vaga para realizar os exames

Em menos de duas semanas de funcionamento, o novo sistema de regulação alcançou a marca de 100 mil exames de baixa e média complexidade agendados. Até o início da tarde desta quinta-feira, 7, a Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia (SMS) contabilizou 102.130 exames marcados na rede pública, filantrópica e conveniada ao Sistema Único de Saúde (SUS).

Antes da implantação da nova estrutura tecnológica, os pacientes tinham de se dirigir à sede da Central de Regulação de Vagas, localizada no Jardim Goiás, para marcar os procedimentos. Atualmente, o paciente deve procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência para agendar os exames.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Fátima Mrué, o modelo antigo de marcação de exames, conhecido popularmente como chequinho, foi substituído por um sistema moderno que traz mais conforto para o paciente e maior controle dos procedimentos realizados pela atual gestão.

'Ao ser inserido no sistema, o paciente é informado em tempo real com o local e data para a realização dos exames, sem a necessidade de procurar com frequência a Central de Regulação de Vagas', explica a secretária.

De acordo com o assessor de tecnologia da Secretaria Municipal de Finanças (Sefin) e integrante do Comitê de Gestão, Modernização e Monitoramento da Prefeitura de Goiânia, Joney Clemente, a grande procura inicial pelo serviço é motivada pelos pacientes que tinham o antigo chequinho e que aguardavam vaga para realizar os exames.

'Antes, a SMS não tinha controle e muitos pacientes aguardavam meses na fila sem perspectiva nenhuma para marcar os exames. Hoje o tratamento é humanizado e basta procurar a unidade com o pedido médico para o cidadão voltar para casa com a data em que deve retornar para realizar o procedimento', salienta o assessor.

O novo sistema traz ainda segurança para a rede conveniada, uma vez que os prestadores de serviços terão acesso ao número de pacientes que receberão diariamente. 'O prestador agora acolhe o paciente, registra no sistema e realiza o procedimento para então garantir o faturamento dos exames. Dessa forma, a SMS terá condições de saber quais procedimentos foram, de fato, realizados, evitando possíveis fraudes e falhas no processo', esclarece Joney Clemente.

Transição de sistemas

Neste período de transição, a SMS está instalando impressoras térmicas em todas as unidades, aumentando a capacidade de internet e reforçando as equipes com o deslocando de servidores da Central de Regulação para os locais ontem realizam os agendamentos.

'O objetivo desse remanejamento é tirar as dúvidas dos cidadãos e realizar a marcação de exames com agilidade, eliminando as filas que podem surgir ao longo do dia', pontua Fátima Mrué.

Ainda segundo a secretária, na próxima semana a unidade do Atende Fácil terá guichês específicos para atender a população que busca assistência na área da Saúde. 'A expectativa é de que dentro de 10 dias nenhum pedido de exame de média e baixa complexidade esteja pendente, pois terá sido feito nas próprias unidades ou nas cidades do interior', garante.

Para os pacientes que já possuem um pedido de exame, a orientação é procurar a unidade de saúde mais próxima para atualização do documento e agendamento no novo sistema. Para isso, a Prefeitura de Goiânia investiu na capacitação dos servidores administrativos de 141 unidades e realizou cursos teóricos e práticos com os colaboradores que atualizam a nova plataforma.

A próxima etapa de implantação do novo sistema é para os exames de alta complexidade. “Já deve começar a funcionar assim que esta primeira fase estiver consolidada, ou seja, em torno de 15 dias. Além disso, a nova plataforma vai possibilitar que a SMS controle efetivamente os leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e rastreie, de forma integrada, os medicamentos disponibilizados pelo poder público”, finaliza Fátima Mrué.

Thiago Araújo, da editoria de Saúde


Voltar

Endereço: Av. do Cerrado n° 999 Bl.'F'  - APM 09 - Park Lozandes - Goiânia/GO - CEP: 74884-092

Fones: 3524-1000  /  3524-1001

          3524-1002  /  3524-1003